Santana divulga nota sobre denúncia do MPF


O ex-prefeito de Juazeiro do Norte, Manoel Santana (PT), usou as redes sociais para comentar a denúncia do Ministério Público Federal por crimes de apropriação indébita e desvio de recursos do Fundeb. Confira na íntegra a defesa de Santana, que administrou Juazeiro no período 2009/2012:


    Estou profundamente abalado com a denúncia feita pelo Ministério Público Federal contra mim e pessoas que fizeram parte da minha gestão. Eu sempre pautei minha vida por respeito à lei, a ética e principalmente a honestidade. Quando fui prefeito tive a preocupação redobrada de seguir rigorosamente a lei e defender o patrimônio público.
   Creio que o Ministério Publico Federal foi induzido ao erro a partir de uma informação contábil e financeira equivocada.
Assim como fiz para as autoridade também coloco a disposição de qualquer cidadão o meu sigilo fiscal, financeiro e bancário. Trabalho como médico há 24 anos, o meu patrimônio hoje é composto da casa onde moro e de um automóvel Corola 2010. Meu saldo bancário era de R$ 4.327,67 (quatro mil trezentos e vinte e sete reais e sessenta e sete centavos) referentes ao restante do meu salário e decimo terceiro bloqueados pela justiça a pedido do MPF.
Meu advogado ira apresentar a minha defesa e provarei na Justiça que sou inocente, por fim quero dizer que me sinto humilhado, difamado. Sei também que os meus inimigos e os inimigos do meu partido vão procurar confundir a opinião pública fazendo desta denuncia uma condenação antecipada.
   Aos homens e mulheres de bem e principalmente a todos aqueles que politicamente me acompanharam e que tem demonstrado a sua solidariedade reafirmo com toda convicção da minha alma que sou INOCENTE e  tenho a convicção que Deus não permitira que eu seja vitima de tamanha injustiça. 

Postar um comentário

0 Comentários