“Diálogos Culturais”: Secult promove nesta segunda, 2/2, grande reunião no Crato, debatendo propostas para as políticas de cultura
Uma grande reunião entre o secretário Guilherme Sampaio, a equipe da Secretaria da Cultura do Estado do Ceará e artistas, produtores, técnicos, gestores, educadores, formuladores e articuladores do setor cultural, em um pacto pelo fortalecimento das políticas de cultura no Estado. Essa é a proposta do encontro “Diálogos Culturais - 1º Ato”, que acontece nesta segunda-feira, 2/2, no Crato (na Escola Profissional Violeta Arraes, no bairro São Miguel) e na quarta-feira, 4/2, em Fortaleza, na Praça Verde do Centro Dragão do Mar de Arte e Cultura. Ambos os eventos começam às 17h.
Os encontros serão oportunidades de apresentação do novo gestor da Secult e um espaço de diálogo aberto entre a Secretaria e os protagonistas do cenário artístico e cultural no Ceará, além de representantes dos mais diversos setores da sociedade – unidos pelo interesse em fortalecer a arte e a cultura como instrumentos para o desenvolvimento do Ceará.
"É tempo de afirmação da cultura como maior riqueza do nosso povo e base do projeto de desenvolvimento do Estado. Esperamos que todos os envolvidos com a produção cultural, os militantes da área e todos os interessados participem deste importante momento de diálogo e construção", afirma o secretário Guilherme Sampaio, convidando todos a tomar parte nos “Diálogos Culturais”, que, após as primeiras edições no Crato e em Fortaleza, seguirão como um programa permanente, de promoção de diálogo direto entre a Secult e os cidadãos, tanto de forma presencial quanto através da Internet.
Segundo o secretário, a decisão de realizar em um município do Interior do Estado o primeiro grande encontro de interlocução da nova gestão da Secult com os diversos segmentos interessados nas políticas de cultura é uma demonstração prática e simbólica de um dos compromissos da Secretaria para os próximos quatro anos: ampliar ações e recursos no Interior.
“Esse compromisso está expresso no plano de governo, definido pelo governador Camilo Santana após amplo debate com vários setores da sociedade, e norteará as políticas e ações da Secult, de várias formas. Desde este primeiro encontro acontecendo no Cariri até compromissos como a construção, no Interior, de quatro centros culturais e de 13 escolas profissionalizantes de caráter cultural”, detalha Guilherme Sampaio.
Compromissos e diretrizes
Entre outros compromissos destacados pelo secretário ao longo deste primeiro mês de atividades estão a ampliação gradativa do orçamento da Secult, com a meta de chegar ao equivalente a 1,5% do orçamento do Governo do Estado em 2018, a realização do primeiro concurso público da história da Secretaria, a retomada atividades regulares do Cine-teatro São Luiz e o início das obras de reforma geral da Biblioteca Pública Menezes Pimentel.
A afirmação da riqueza da cultura cearense e a conscientização quanto a seu potencial estratégico para o desenvolvimento do Estado são ressaltadas diretrizes para a gestão, assim como o objetivo de manter permanente diálogo com todos os setores capazes de contribuir, de forma conjunta, para fortalecimento das políticas e ações.
Secult-CE

Postar um comentário

0 Comentários