PC do B realiza conferência e elege novos dirigentes
O Partido Comunista do Brasil realizou conferência municipal, na noite de sábado, na Câmara Municipal do Crato. A sigla decidiu pela permanência na Frente Popular pelo Crato composta por partidos que fazem oposição ao atual governo do Crato.
Em sua resolução, o PC do B descartou qualquer aliança com partidos ligados à atual administração bem como à administração anterior.
Além de eleger seus novos dirigentes locais e delegados para a conferência estadual, o partido comunista realizou a filiação de novos integrantes.
O ato contou com a participação do deputado federal Chico Lopes, que em seu discurso não poupou críticas à justiça e à imprensa, ressaltando os pontos positivos dos governos Lula e Dilma.
O PT foi representando pelo vereador Amadeu de Freitas que reforçou as palavras de Chico Lopes e destacou a parceira dos comunistas neste período.
O ex-vereador André Barreto decidiu municipalizar as discussões fazendo crítica ao atual governo cratense e descartando qualquer aliança com os tucanos.

Reconduzido ao comando do partido, Samuel Siebra, fez um resumo da luta do PC do B nos movimentos sociais, a saída da base do governo Ronaldo Sampaio Gomes de Matos. Samuel também ressaltou a intenção do partido de permanecer no grupo intitulado Frente Popular Cratense.

Postar um comentário

0 Comentários