PC do B impede posse do professor Berão no Legislativo

Professor Robério Alves Nogueira tencionava voltar ao Legislativo
O suplente de vereador Robério Alves Nogueira (PTC) não tomou posse na Câmara Municipal do Crato como estava previsto. A decisão de não empossar o ex-secretário municipal de Planejamento foi tomada pelo presidente da Casa, Pedro Alagoano, após receber ofício o Diretório Municipal do PC do B reivindicando a posse do suplente Samuel Siebra.
Robério Alves Nogueira (Berão) era primeiro suplente do partido comunista e foi expulso no mês passado pelo PC do B, que alegou infidelidade partidária.
A ida do professor Robério para o legislativo foi articulada pelo  prefeito Ronaldo Gomes de Matos (PSC) para fortalecer a sua base na Câmara Municipal do Crato. Ele assumiria em lugar de Luciano Saraiva (PMDB) que foi para a pasta de Planejamento.
No início da sessão ordinária desta segunda-feira (19/10), ao informar que o professor Robério Alves Nogueira não tomaria posse, o presidente Pedro Alagoano justificou que recebeu um requerimento  do Diretório Municipal do PC do B para que o professor Samuel Siebra seja empossado. Ele disse que vai consultar a sua assessoria jurídica para se posicionar sobre o caso.
Este blog entrou em contato com o advogado José Boaventura Filho, especialista em Direito Eleitoral, que esclareceu que o mandato pertence ao partido, portanto, deve o suplente assumir a vaga existente. 
(Foto: Eventos Kariri)

Postar um comentário

0 Comentários