MPF e PF deflagram operação para combater fraudes em serviços de transporte no Ceará

O Ministério Público Federal (MPF) e a Polícia Federal deflagraram, nesta quinta-feira, 19 de novembro, operação em Fortaleza, Juazeiro do Norte e em outras cinco cidades do Ceará para desarticular grupo investigado por fraudes em serviços de transporte em várias prefeituras do estado.
Durante a manhã, foram cumpridos mandados de prisão de quatro empresários alvos de investigações realizadas pelo MPF e PF, além de mandados de busca e apreensão, incluindo 17 carros de luxo que podem ter sido adquiridos com recursos obtidos com atos ilícitos.
Há indícios de que os empresários estejam envolvidos em crimes de corrupção, fraude em licitação e associação criminosa. De acordo com o procurador da República Rafael Rayol, os desvios de recursos públicos teriam ocorrido, principalmente, na contratação de transporte escolar e locação de carros por prefeituras municipais.
As cincos principais empresas investigadas pelas fraudes firmaram, entre 2010 e 2015, contratos com prefeituras cearenses que somam quase R$ 100 milhões. Vencendo licitações de forma fraudulenta, elas desviaram parte do dinheiro público em montante que ainda está sendo apurado pelo Ministério Público Federal e Polícia Federal.

Durante a operação, além de Fortaleza e Juazeiro do Norte, foram cumpridos mandados judiciais em Lavras da Mangabeira, Cascavel, Aquiraz, Caucaia e Assaré - cidades onde ficam sedes de empresas investigadas.
Assessoria MPF

Postar um comentário

0 Comentários